Ativistas franceses voltam a invadir matadouro, paralisam operações e resgatam quatro animais

- visualizações

Ativistas franceses voltam a invadir matadouro, paralisam operações e resgatam quatro animais

Coragem e determinação.


224 pessoas agradeceram por este conteúdo.


Ativistas veganos do grupo “269 Libération Animale” (Facebook) voltaram a invadir um matadouro europeu. A ação aconteceu na última quinta-feira (17) e teve transmissão ao vivo pelas redes sociais. Em fevereiro deste ano, eles realizaram uma invasão muito semelhante na França (relembre aqui).

Desta vez, porém, a ação dos franceses foi na Bélgica, país vizinho. Um frigorífico em Anderlecht, ao lado da capital, Bruxelas, foi o alvo do protesto, que envolveu cerca de 46 ativistas.

Eles entraram no local e se acorrentaram no corredor por onde os animais são conduzidos para o abate. O abatedouro em questão mata bois, cabras e cavalos (a carne de cavalo é muito consumida na Europa). Após 2 horas e meia de negociações, os ativistas saíram do local com 4 filhotes de cabra, que foram encaminhadas para santuários veganos, onde vão crescer e viver com dignidade.

Em um comunicado, o grupo disse que já tentou de outras formas acabar com o sofrimento dos animais. Passeatas, acordos políticos e outras ações foram feitas, sem sucesso.

“É hora de resistir ao lado dos oprimidos, é hora de bloquear o sistema. O que você está esperando para juntar os atos às palavras?” – disseram, incentivando outros ativistas a fazerem ações diretas.



Assista ao vídeo | Facebook

224 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: