Governador sanciona lei que proíbe a caça no estado e afirma: ‘São Paulo optou por um lado’

- visualizações

Governador sanciona lei que proíbe a caça no estado e afirma: ‘São Paulo optou por um lado’

Momento histórico.


157 pessoas agradeceram por este conteúdo.


Como noticiamos na terça-feira (relembre aqui), o governador do estado de São Paulo, Marcio França, sancionou nesta quinta-feira (28) a lei que proíbe a caça em todo o estado.

O projeto, de autoria do deputado Roberto Tripoli (Facebook), foi aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP).

A solenidade de assinatura da sanção ocorreu na manhã desta quinta-feira (18) no Palácio do Governo e contou com a presença de dezenas de ativistas que representaram diversos grupos de proteção aos animais.

Agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), que atualmente permite a caça às espécies consideradas pragas como o javali, também estiveram presentes. A principal alegação do agronegócio é de que o javali ataca lavouras e rebanhos e causa grande prejuízo às fazendas e que, por isso, a caça precisa ser mantida.

Em um vídeo publicado no fim da tarde em sua página no Facebook (confira aqui), o governador foi bem claro e afirmou que o estado escolheu um lado nessa história.

“A gente fez questão de trazer aqui hoje entidades de proteção animal para dizer que São Paulo optou por um lado. A gente tinha pressão dos dois lados, mas São Paulo tem que dar exemplo para o Brasil. Não cabe em São Paulo que as pessoas incentivem a violência contra animal como forma de defesa ou como forma de lazer.” – disse Marcio França.

Toda vez que uma lei é sancionada, ela passa por regulamentação e pode sofrer ajustes. Não se sabe ainda se essa lei sofrerá algum ajuste, mas há uma preocupação de que seja liberada alguma forma de caça. Ainda na solenidade de sanção, França falou em não prejudicar nenhum setor e em fazer algo que fique bom para os dois lados: ativistas e empresários do agronegócio.

“Agora a lei vai ter regulamentação, claro, porque a gente não quer prejudicar nenhum dos setores, a gente sabe que tem influência na agricultura e na pecuária, mas nós vamos encontrar uma forma, como já encontramos em outros momentos difíceis de poder criar uma conciliação. Mas, acima de tudo, dizendo para as pessoas que, em São Paulo, a caça é proibida.” – disse o governador.

A causa animal precisa acompanhar esse caso para que a lei seja regulamentada sem ônus para os animais. Há alguns meses, mostramos aqui no Vista-se como é feita a caça ao javali pelas áreas rurais do Brasil (relembre aqui).

Assista ao vídeo | Facebook

157 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: