Hyundai é criticada após colocar comercial antivegano no intervalo mais caro dos EUA

- visualizações

Hyundai é criticada após colocar comercial antivegano no intervalo mais caro dos EUA

Mau gosto.


228 pessoas agradeceram por este conteúdo.


A montadora de carros sul-coreana Hyundai foi alvo de críticas da ONG norte-americana PETA. No intervalo do Super Bowl, que é a final do campeonato de futebol americano mais famoso dos Estados Unidos, a montadora colocou um comercial de TV chamado “The Elevator”.

Basicamente, trata-se de um elevador comandado por Jason Bateman – ator que fez o papel de Martin Byrde na ótima série Ozark, da Netflix – que leva os passageiros para locais desagradáveis até, finalmente, chegar a um local agradável que é a loja da marca de carros.

Entre esses locais desagradáveis apresentados pela Hyundai, estão uma visita ao dentista, um tribunal no qual o acusado quer matar a pessoa que desce do elevador, uma conversa difícil sobre sexo entre pais e filhos, um avião cheio de pessoas doentes e mal educadas e um jantar festivo vegano.

Os anfitriões do jantar são veganos bastante caricatos. A mulher oferece um prato vegano nada apetitoso enquanto o passageiro que desceu no andar tem ânsia de vômito ao ver o prato.

Muitos veganos não gostaram nada de serem colocados como pessoas desagradáveis no intervalo de TV mais assistido dos Estados Unidos e protestaram nas redes sociais. Ingrid Newkirk, presidente da PETA, publicou uma foto de seu carro vegano feito pela Mercedes Benz e ainda indicou que as pessoas comprem carros dessa marca, ao invés dos automóveis da Hyundai (veja aqui).

A conta oficial da PETA no Twitter também indicou a concorrente em resposta à Hyundai (veja aqui). A montadora se defendeu dizendo que foi apenas uma brincadeira.

O comercial foi visto mais de 34 milhões de vezes no YouTube em apenas alguns dias.

Assista ao vídeo | YouTube

228 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: