- visualizações

Pecuaristas e político conservador ficam furiosos com discurso de Joaquin Phoenix no Oscar

Óbvio que incomodaria os exploradores.


155 pessoas agradeceram por este conteúdo.


Uma associação de pecuaristas produtores de leite e um parlamentar norte-americano se pronunciaram veementemente contra o discurso de Joaquin Phoenix no Oscar.

Ao receber a estatueta de melhor ator, Joaquin usou seu discurso para falar de injustiças e citou a causa animal criticando o consumo de leite de vaca. Se você ainda não viu esse discurso, clique aqui.

Não demorou muito e o político Fred Keller, do partido Republicano, uma espécie de direita conservadora dos Estados Unidos, saiu em defesa dos pecuaristas:

“A insensibilidade que ele demonstrou em seu discurso na noite passada prova que ele precisa sair da bolha de Hollywood para ver como os americanos de verdade ganham a vida. Seus comentários foram detestáveis não apenas para mim, mas para muitos fazendeiros familiares que trabalham duro.” – disse Keller.

Já um representante da Federação Nacional dos Produtores de Leite dos EUA disse o seguinte:

“Se ele estudasse o compromisso dos produtores de leite com o bem-estar animal e tivesse um entendimento mais amplo da contribuição dos produtos lácteos para uma dieta nutritiva, especialmente para crianças, ele poderia ter uma percepção diferente do valor que os produtos lácteos têm para a saúde global e a importância do setor de laticínios para a subsistência global.”

Para as duas críticas, caso tivesse a chance, bastaria Joaquin perguntar: “Muito bem, o que vocês fazem com os bezerros que nascem machos e com as vacas que não dão mais o número de litros de leite que vocês esperam?”. A resposta já demonstraria se as fazenda tratam bem os animais.

As vendas de leite de vaca nos Estados Unidos estão em queda, embora ainda representem bilhões de dólares. Já a venda de leite de amêndoas não para de crescer por lá.

155 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: