Prada anuncia que será ‘fur free’ já a partir da próxima coleção da grife, a feminina de 2020

- visualizações

Prada anuncia que será ‘fur free’ já a partir da próxima coleção da grife, a feminina de 2020

Um passo importante.


65 pessoas agradeceram por este conteúdo.


Fundada em 1913 na cidade de Milão, na Itália, a grife Prada é uma das mais bem sucedidas do mundo. Nessa quarta-feira (22), a marca anunciou que deixará de produzir peças com peles de animais.

Segundo o anúncio da Prada no Facebook (veja aqui), a empresa se tornará Fur Free (Livre de Pele) já a partir da próxima coleção feminina, a de 2020.

Não fica claro, no entanto, se a decisão vale também para produtos com couro de animais. Isso porque a palavra fur, em inglês, normalmente refere-se apenas às peles de animais exóticos como raposas e chinchilas. É algo usado mais para peles com pelos, macias. O couro é chamado de leather, embora também seja um tipo de pele.

De qualquer maneira, é um passo gigante na indústria da moda ter uma marca como a Prada fazendo declarações rumo à direção certa.

“Focar em materiais inovadores vai permitir à companhia explorar novas fronteiras do design criativo, ao mesmo tempo em que atende à demanda por produtos éticos.” – disse a presidente da marca, Miuccia Prada.

65 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: