Superbom anuncia queijos veganos em peças que fatiam e derretem para o segundo semestre

- visualizações

Superbom anuncia queijos veganos em peças que fatiam e derretem para o segundo semestre

A empresa tem mais de 25 mil pontos de venda.


3 pessoas agradeceram por este conteúdo.


A maior feira de supermercadistas da América Latina, organizada pela Associação Paulista de Supermercados (APAS), trouxe uma grande surpresa aos veganos esta semana. Durante a APAS 2015 (de 4 a 7 de maio), realizada no Expo Center Norte, em São Paulo, a empresa brasileira Superbom está apresentando três tipos de queijos veganos aos participantes.

A linha é composta por três peças de 500 gramas cada. Queijos tipo muçarela, prato e provolone sem nenhum ingrediente de origem animal, fatiáveis e que, segundo a divulgação da empresa, derretem. Os produtos são os grandes lançamentos e a aposta da empresa para este ano.

Há 90 anos no mercado com produtos vegetarianos, a Superbom vem demonstrando nos últimos anos que enxerga o consumidor vegano. A linha de queijos vegetais, por exemplo, se chamará “VeganCheese” e trará a tradução do inglês “Queijo Vegano” em destaque. O selo da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) confirmando que o produto é vegano estará bem na frente da embalagem também. Os termos direcionados a intolerantes à lactose (“zero lactose”, “sem leite animal”) e para quem procura produtos saudáveis (“sem colesterol”, “baixo teor de sódio”) também receberam destaque na embalagem, mas bem menor. Os novos queijos não têm glúten, atendendo também aos celíacos.

A Superbom disse em nota que pretende fazer o lançamento e comercialização dos queijos para o público já no segundo semestre deste ano. Ainda segundo a empresa, o sabor tem agradado aos participantes da APAS: “Na feira, os interessados que conhecem o novo produto têm a chance de degustar o queijo. Na expressão facial de todos os que experimentam a criação um olhar de surpresa e apreciação.” – diz a nota da Superbom.

A Superbom tem mais de 25 mil pontos de venda espalhados por todo o país, o que poderá fazer com que estes novos queijos cheguem a mais pessoas. A facilidade de acesso a queijos sem nada de origem animal é uma das principais demandas de ovolactovegetarianos que pretendem se tornar veganos.

3 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: