Análise de produto: confira uma opinião pessoal sobre o queijo vegetal da marca VidaVeg

- visualizações

Análise de produto: confira uma opinião pessoal sobre o queijo vegetal da marca VidaVeg

Confira a avaliação em texto e gráfico.


8 pessoas agradeceram por este conteúdo.


[responsivevoice_button voice=”Brazilian Portuguese Female” buttontext=”Ouvir / Parar”]


Chegou na tarde desta segunda-feira (28) no escritório do Vista-se esse novo queijo vegetal que está à venda no mercado brasileiro. Primeiro ponto positivo: é nacional, feito à base de castanha de caju e não tem soja.

De cara eu tomei um susto quanto ao tamanho porque o queijo que eu tenho como referência é o concorrente, da marca Superbom. Esse da VidaVeg, empresa de Minas Gerais, tem uma proposta diferente, a embalagem é menor mesmo. São 300 g contra 500 g do concorrente.

O queijo da VidaVeg também tem amido de batata na composição, mas em menor quantidade. Ele é mais escuro, então pode não agradar alguém que esteja esperando uma cor idêntica a do queijo convencional, feito de leite de vaca.

Talvez por causa da castanha de caju ou da goma de alfarroba (há nos ingredientes), ele tem um gosto levemente adocicado e ele não leva tanto aromatizante de queijo como os concorrentes. Isso pode ser um ponto positivo ou negativo, dependendo do gosto de cada um.

Eu comi quase uma peça dessa inteira de cara, achei bem saboroso, mas não tem o gosto mais acentuado de queijo como os requeijões da marca Requeisoy, por exemplo. Em matéria de queijo, eu gosto dos sabores mais fortes. Se você gosta dos mais suaves, esse da VidaVeg é uma ótima pedida.

Uma lida na embalagem mostra que o pessoal da empresa caprichou na seleção dos ingredientes. Além da castanha de caju – que não é uma base barata – , tem óleo de coco, sal do himalaia, goma de alfarroba e cúrcuma como ingredientes que eu considero nobres.

O fato de ser enriquecido com vitamina B12 é um ponto extremamente positivo, embora a quantidade seja baixa (para alcançar  100% da recomendação diária, é preciso consumir mais da metade da peça de queijo (180 g).

Cada peça dessa da foto de 300 g varia no mercado de R$ 20,00 a R$ 30,00, então, não é um produto barato. Mas está na média dos concorrentes e, embora em menor quantidade, traz ingredientes mais nobres.

Serviço

VidaVeg | onde encontrar

Ingredientes: Água, castanha de caju, amido de batata modificado, óleo de coco extra virgem, sal do Himalaia, extrato de levedura, vitaminas (B6 e B12), estabilizantes: carragena e goma de alfarroba, aromatizante natural, emulsificante: mono e diglicerídeos, acidulante: ácido lático (vegano) e corantes naturais: cúrcuma e urucum. ALÉRGICOS: CONTÉM CASTANHA DE CAJU. NÃO CONTÉM GLÚTEN.

Queijo vegetal VidaVeg
  • 8.5/10
    Sabor - 8.5/10
  • 8/10
    Aroma - 8/10
  • 8.5/10
    Textura - 8.5/10
  • 8/10
    Primeira impressão (propaganda x realidade) - 8/10
  • 7.5/10
    Aparência do produto - 7.5/10
  • 9.5/10
    Embalagem (visual) - 9.5/10
  • 10/10
    Embalagem (clareza de informações) - 10/10
  • 9/10
    Embalagem (praticidade) - 9/10
  • 9.5/10
    Embalagem (sustentabilidade) - 9.5/10
  • 9.5/10
    Saudabilidade (tipos de ingredientes usados e nível de processamento) - 9.5/10
  • 9.5/10
    Durabilidade - 9.5/10
  • 8.5/10
    Versatilidade - 8.5/10
  • 7/10
    Distribuição (acesso ao produto) - 7/10
  • 7.5/10
    Custo-benefício - 7.5/10
8.6/10

IMPORTANTE:

Esta análise foi feita por Fabio Chaves, fundador do Vista-se. É uma opinião pessoal, publicada sem qualquer tipo de pagamento ou outra forma de benefício.

8 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: