- visualizações

Austrália está usando atiradores em helicópteros para assassinar 10 mil camelos selvagens

O governo não detém a reprodução. Aí, mata.


80 pessoas agradeceram por este conteúdo.


Enquanto pessoas tentam salvar os coalas das chamas que devastam a Austrália, no interior do país as autoridades começaram um massacre legalizado de camelos.

Pelo menos 10 mil deles serão abatidos a tiros por atiradores em helicópteros em uma operação que durará 5 dias.

Os atiradores foram contratados pelo governo, que alega que os camelos viraram uma praga no interior do país e que destroem plantações e contaminam a água de populações humanas que vivem nessa região.

Com a maior seca da história da Austrália em andamento, as manadas invadem casas para tentar conseguir água até em aparelhos de ar condicionado, segundo representantes da região impronunciável de Anangu Pitjantjatjara Yankunytjatjara (APY).

Os camelos foram introduzidos em território australiano há décadas para serem explorados transportando cargas e nos trabalhos do campo. Com o tempo, porém, eles se multiplicaram sem nenhum controle das autoridades e hoje são considerados uma praga.

Não é a primeira vez que o governo australiano usa atiradores em helicópteros para matar camelos. Em 2013, houve um grande massacre com os mesmos pretextos.

80 pessoas agradeceram por este conteúdo.

Ir para a capa do Vista-se (clique aqui)

Apoie com R$ 1,00 por mês (clique aqui)

Nossas redes sociais:
Facebook | YouTube | Instagram | Twitter

Publicidade: